Um bebebor de água a escrever sobre vinhos? Sou eu!

O copo do Pedro

Copo do Pedro

Entrei nesta história por gostar de escrever sobre nada, por gostar do solo, do sol e de provar as uvas, mesmo quando estão verdes; e principalmente por me sentir em casa na casa dos Quevedos e pelo abraço que é meu e do Óscar Zé desde antes de sermos bons amigos.

Não sou ainda, é verdade, um bom saboreador de vinho, mas as últimas garrafas que abrimos não me deixam duvidar de que isso não tarda nada; é nesta aventura do paladar e do prazer que vos convido a acompanhar-me.

Pedro