Monday, September 8th, The Vintage has begun

DSC07434

Quinta das Olgas – vinhas velhas

Cinco dias mais tarde que em 2007 e começámos a recolha das uvas na Quinta da Alegria e na Quinta das Olgas, nas sub-regiões do Cima-Corgo e Douro Superior, respectivamente. O rendimento tem sido de cerca de 3.5 toneladas/ha, superior às produtividades dos anos anteriores e às nossas estimativas para as outras vinhas.

A graduação tem andando à volta dos 13,8º na Quinta da Alegria e 13,4º nas Quinta das Olgas, abaixo dos valores registados nos anos anteriores devido à maior produtividade e também às chuvas que caíram na semana passada. Terça-feira iniciámos a recolha nas vinhas novas da Quinta das Olgas e obtivemos graduações de 12,9º Bé na Touriga Nacional.

O tempo está incerto e prevê-se chuva para quinta-feira. Se as previsões não se concretizarem devemos terminar a vindimas nestas duas quintas a 11 de Setembro.

Até breve,

Óscar Quevedo

2 Comentários Added

Add yours
  1. Pingback: How is the 2008 Iberian Harvest Shaping Up? 14 14UTC Setembro 14UTC 2008

    […] Port producing region, the Douro, is also reporting an increase in production. According the the Oscar Quevedo, “The yield has been higher compared to last years’ production and our estimate for the […]

  2. Pingback: Harvest is Finally Over in The Quevedo Estates 30 30UTC Outubro 30UTC 2008

    […] irregular, indeed an atypical year, we decided to start the harvest with lower sugar content. As we had posted at that time, we started in Douro Superior – Quinta das Olgas with Bé of between 12,6º and 13,4º. Quinta da […]

Deixar uma resposta

Reset all fields